Mensagem do presidente do Conselho Geral do CNOP

O Conselho Nacional das Ordens Profissionais (CNOP) é uma estrutura de cúpula que agrupa, numa plataforma comum, os bastonários de 15 ordens profissionais. Estas profissões são, em Portugal e na UE, pela sua relevância estratégica para a sociedade, especialmente reguladas pelo Estado.

Este Conselho deve ter na sua agenda não só temas de interesse específico para as profissões nele representadas, mas também a análise da situação do país, o “pensar” construtivamente Portugal.

Os profissionais representados constituem um grupo qualificado na sociedade portuguesa e têm o dever, a obrigação, de propor soluções e de conceber caminhos para as atingir, criando valor efectivo.

No nosso ADN, está a defesa do interesse público. Com autonomia e independência. Daí não nos desviaremos, evidenciando esta nossa característica diferenciadora face aos agentes políticos e a alguns grupos de pressão da sociedade portuguesa.

Portugal tem de poder contar com um contributo excepcional, adicional, qualificado, independente, das profissões reguladas e liberais, neste momento de adversidade.

Mais que isso, pede-se às Ordens Profissionais capacidade para, juntamente com outros sectores da sociedade civil – universidades, centrais sindicais, sector social, associações industriais e empresariais, entre outras formas de organização – contribuírem, no sentido de mobilizar o país, para os valores do trabalho, do mérito, da prosperidade, da felicidade, da verdade.

Com Altruísmo. Sem Corporativismos.

Orlando Monteiro da Silva
Presidente do Conselho Geral do CNOP
Bastonário da Ordem dos Médicos Dentistas